Honda CBR600RR



A classe rainha de velocidades moto gp contribuiu 100% para a criação desse modelo como todas as demais motocicletas que buscam na tecnologia desenvolvidas em pista os conhecimentos mecânicos e eletrônicos para o nascimento dessas maravilhas. Esse desenvolvimento deu origem em 2003 ao nascimento da CBR 600RR uma cilindrada média que acompanhada do seu baixo peso em comparação as 1000cc resulta em um equilíbrio perfeito dentro e fora de pista levando aos seus aficcionados o sabor de pilotar uma maquina com toda tecnologia de ponta.





A 600RR provou em pista a sua superioridade conquistando 3 campeonatos mundiais no campeonato do mundo de supersport e já em 2002 com a sua CBR 600F- sport arrebatou uma expressiva vitória. O domínio avassalador desse modelo levou a Honda a ocupar um importante patamar na classe das 600cc conquistando assim milhares de admiradores e usuários.

O resultado da criação desse modelo levou a tal sucesso que a Honda passou 3 anos efetuando apenas pequenas alterações derivado ao alto nível conseguido, levando a 600RR a passar desta vez para uma mudança radical, partindo de uma folha em branco os engenheiros desenvolveram uma moto completamente nova alcançando mais uma vez um nível de tecnologia excepcional para essa moto de média cilindrada.

Com o intuito de desenvolver o que há de melhor, foi dada total liberdade a equipe responsável pelo desenvolvimento da Honda CBR 600RR, para criar uma maquina que supera-se a anterior em performance, agilidade e ciclística conduzindo assim mais uma vez essa admirável moto ao ponto de destaque e supremacia motociclística nascendo assim uma super desportiva de média cilindrada.

O coração dessa maquina será alimentado por um motor menor, leve, e com mais potencia, levando a moto a uma relação peso/potencia formidável resultando em uma agilidade e força impressionante. Para conseguir uma redução do tamanho, todos os componentes tiveram que passar por uma remodelação total e principalmente a recolocação dos veios principais: Cambota e veio secundário que sofreram uma maior aproximação, cerca de 30mm. Com todas essa mudanças o peso com relação a anterior foi reduzido em 2 kg, levando desse modo a uma redução marcante no tamanho do motor.

O resultado dessa atualização levou a CBR 600RR a apresentar um verdadeiro manancial de performasse, agilidade, velocidade, e um equilibro ciclístico  irrepreensível. As mudanças passaram também pelas condutas de admissão e escape, e nos comandos eletrônicos  programável (ECU) que fica responsável pelo sistema de injeção de combustível em 2 estágios. O novo escape é composto de aço inoxidável e possui uma válvula que controla a pressão dos gases para uma performasse acentuada.

O quadro de dupla trave em alumínio fundido por gravidade torna a distribuição de peso mais centralizadas controlando assim a distribuição das massas contribuindo para uma ciclística equilibrada e eficaz tornando as curvas em pista um verdadeiro festival de adrenalina e facilidades permitindo que o piloto possa buscar os seu limites com toda a segurança.

As rodas e travões tem uma enorme participação na redução do peso, são rodas com jantes de 3 braços em alumínio e os cubos compactados que reduzem o peso não suspenso. A excepcional capacidade de travagem se assemelha a sua irmã mais velha a 1000RR Fireblade e a RC 211V, sem sombra de dúvida uma verdadeira bomba tecnológica a disposição dos amantes das motos que estejam disposto a pagar o seu justo valor. Um abraço.

Anildo Motta

 

 

PUBLICAÇÕES ANTERIORES.

Motos dos famosos

Que moto comprar!

Honda VTX 1300 CX 2010

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *